Conheça os projetos dos candidatos a presidência da APOIORT para o triênio 2018/2020

A Assembléia Extraordinária realizada na Igreja em Cabuçú no dia 10 de Dezembro de 2017 com a pauta única da apresentação e oficialização de candidatos a presidência da APOIORT para o triênio de 2018 a 2021, entre outros assuntos correlatos, após indicações, apoio e aprovação pelo PEA (processo eleitoral da Apoiort) foi oficializado a candidatura dos pastores Angelo de Souza, com a chapa número 30 e Elielberth Falcão, com a chapa de número 15.

O presidente em exercício, pastor Adriano Moreira, por questões de enfrentamento de enfermidade na família, abdicou-se do direito de candidatar-se mais uma vez a presidência da convenção, o que foi compreendido e entendido pelos delegados e pastores presentes. O mesmo se empenhará em ajudar e trabalhar ao lado do novo presidente da APOIORT na próxima gestão.

Conheça os projetos dos presidenciáveis para a gestão de 2018 a 2021:

PrProjeto do Candidato Pastor Angelo (30):

  • Aproxima-se das Igrejas Associadas que atualmente são menos participativas em nossas reuniões e eventos, a fim de identificar as motivações necessárias para reverter tal quadro, e promover a interação efetiva da mesma, com as demais Igrejas Associadas;

 

  • Reduzir o número de eventos Nacionais para 1 (um) Congresso anual, reformulando sua estrutura litúrgica, implantando novas atividades como gincanas, debates teológicos, bem como momentos para grupos específicos, mulheres, varões, jovens e adolescentes e crianças;

 

  • Organizar os Distritos e sua Diretoria, dando-lhes maior independência, incumbindo os mesmos de promover Congressos de Mulheres, Jovens e Adolescentes, Crianças, Homens, motivando a interação das igrejas dentro de seus respectivos Distritos, em alinhamento com a Diretoria Executiva;

 

  • Promover nos Distrito, uma gestão mais participativa e de oportunidades, integrando novos obreiros, inclusive os jovens com seus talentos, gerando assim um discipulado mais eficiente;

 

  • Revisar com a atual Diretoria do Projeto 4R, as diretrizes do Projeto, procurando manter suas ideias base, contudo, adequando-o às exigências do Estatuto e Regimento Interno da Ordem de Pastores;

 

  • Criar uma Comissão de Assuntos Financeiros, formada por representantes dentro de cada Distrito, que atuará em apoio a Tesouraria da Diretoria Executiva, buscando soluções para os desafios da área;

 

  • Implantar o sistema de recolhimento eletrônico, via boleto bancário ou ainda, carnê de mensalidade para os Fins Gerais, garantindo assim maior comodidade, praticidade e eficácia na arrecadação;

 

  • Contratar financiamento para compra do imóvel para implantação do Projeto R4 (Sede da APOIORT). O imóvel deverá atender os requisitos necessários para o Projeto, em tamanho não inferior à 3.600m², promovendo no mesmo, atividades capazes de gerar recursos financeiros conforme hipóteses abaixo:

 

  1. Caso o imóvel seja um terreno livre de construção predial, realizaremos no local, feiras de artesanatos, feiras missionárias, acampamentos de jovens, além dos eventos promovidos pelo Projeto 4R; sempre com vendas de camisas, canecas, adesivos e outros, personalizados. Cada Distrito (RJ) ficará com a incumbência de promover um evento anual, aberto a participação dos demais Distritos, com o apoio da Diretoria do Projeto 4R.
    Nota: O valor de investimento inicial conforme contato pré realizado: R$ 50.000,00 – R$ 120.000,00, valor a ser financiado.

 

  1. Caso o imóvel seja um terreno com benfeitorias, como campo de futebol, piscina, churrasqueira, construção predial para habitação, e outros; implantaremos um sistema de comodato, atrelado a aquisição de carnês de mensalidades, que servirão para a geração dos recursos da aquisição do imóvel, dando ao adquirente (sócio comodato), o direto de uso das benfeitorias, independentemente de haver atividades da Associação, podendo o adquirente, desfrutar com a família, amigos, etc. de todo o espaço, mediante agendamento prévio, sem que infrinja os critérios administrativos a serem estabelecidos. Nota: O valor de investimento inicial conforme contato pré realizado: R$ 80.000,00 – R$ 240.000,00, valor a ser financiado.

 

  • Implantar o Departamento Jurídico da APOIORT, a fim de orientar nossas igrejas, a estarem adequadas conforme a Legislação vigente, a exemplo a documental como: Ata de Fundação, Estatuto Social, Cartão de CNPJ, Alvará de Localização, DCTF, DIPJ, ECD, EFD e outros, essenciais à garantia de imunidade tributária e necessários ao pedido de abatimento da alíquota paga no consumo de energia elétrica, desconto na compra de veículos, isenção do pagamento do IPTU, etc;

 

  • Promover e incentivar o desenvolvimento de material didático eletrônico, para Escola Bíblica, Simpósios, Seminários Teológicos, Curso Secretária Eclesiástica, Contabilidade Eclesiástica e outros, buscando no mercado parcerias para aquisição dos equipamentos, garantindo às Igrejas Associadas, com menor poder aquisitivo, a tecnologia necessária para manterem seu aprendizado no mesmo nível que as demais Igrejas. Sugestão:https://produto.mercadolivre.com.br/MLB-706307842-datashow-retro-projetor-data-show-portatil-hdmi-vga-igreja-_JM), Valor R$560,00;

 

  • Implantar o Seminário Teológico (curso livre) em cada Distrito, onde as Igreja interessadas, formaram suas turmas, e estudaram por meio de apostilas físicas, com distribuição imediata de todo conteúdo adquirido, com baixo custo para fornecimento, tendo pessoa capacitada indicada por um Departamento Pedagógico, para sanar as dúvidas, online ou por telefone, com aulas extras em encontros presenciais;

 

  • Criar uma gestão dentro da Associação, disponibilizando formulários como: certificados, atas, carteirinhas, cartilhas de orientação para cerimoniais como batismo, Assembleias, casamentos, entrada e apresentação de bandeiras e de outras liturgias.

 

  • Incentivar as arrecadações em cada Departamento, dentro dos Distritos, garantindo assim os recursos necessários ás suas atividades.

 

  • Garantir aos Líderes de Departamento e dos Distritos, as determinações e ações dos mesmos, legitimando e justificando a necessidade da existência de uma Diretoria especifica bem como do próprio Departamento;

 

  • Dar continuidade aos Projetos já aprovados pela atual Diretoria;

 

  • Intensificar a relação com os Distritos, principalmente o 4º e o 5º Distrito, trabalhando com foco no crescimento de cada Distrito;

 

  • Incentivar o diálogo para novas ideias capazes de contribuir ao desenvolvimento de nossa Associação APOIORT, em âmbito espiritual, de estrutura física e de propriedade intelectual.

Pr1

Congressos:

  • Diante do quadro contextual em que se encontra a APOIORT, ficou inviável realizar mais que um congresso por ano. Neste aspecto, o que proponho seria na Semana Santa a junção entre Jovens e senhoras tendo nas realizações, 1 dia e meio para cada departamento com uma leitura de relatórios básica nas consagrações no primeiro ou último período, deixando os casos relevantes para convocações extraordinárias com delegados .
  • Os distritos ficarão responsáveis pelas atividades distintas de jovens, crianças, homens, e senhoras, trabalhando em torno da preparação para o congresso Nacional nas Semanas chamadas Santas de cada ano.
  • Serão realizados trimestralmente nos distritos o CULTO DA APOIORT . Neste evento, serão recolhidas ofertas especiais para compra de um terreno para a sede da APOIORT.
  • Os momentos financeiros dos distritos estarão concentrados para o objetivo de comprar o terreno. Caberá a diretoria Nacional, liberar quantias para outras finalidades.
  • A alimentação no congresso será rigorosamente distribuídas por meio de fichas regulamentadoras, para ajudar no resultado do programa austero que será introduzido em torno da aquisição da sede (terreno).

Literaturas:

  • A diretoria Nacional indicará um nome entre os membros da Igreja filiada para recolher trimestralmente o valor das Revistas de Estudo Bíblico. O departamento de Literaturas regerá sem interferências o recolhimento destas importâncias em torno da Revista de Estudo Biblico. Será estabelecido um programa de incentivo para que todo membro em plena comunhão adquira as revistas, pois em cada edição será introduzido informações da APOIORT que são elementar aos associados
  • Será em tempo, confeccionado um Manual relacionando o credo doutrinário da APOIORT, contendo, doutrinas, Estatuto, histórico, regimento da Ordem, atribuições da Comissão de Ética e minuta distrital.
  • Depois da aprovação das raízes teológicas feitas pela atual gestão, vamos buscar uma forma, mesmo que a longo prazo , confeccionar manuais para distribuição entre associados para o devido esclarecimento entre pastores, associados e candidatos a se filiarem à APOIORT. O objetivo é eliminar os conflitos teológicos em torno do modelo teológico da Obra da Restauração.
  • Não serão recebidas igrejas fora do modelo teológico estabelecido e que não tenham sistemas congregacionais.

Teologia:

  • Estaremos estimulando um programa teológico consistente através de um colégio de pastores, onde os Obreiros enviados pela igreja além de estudarem teologia, farão profissão de fé e aprenderão diante das raízes teológicas estabelecidas pelo concílio teológico.

Ação Social:

  • Será criada uma secretaria de ação social para atender aos associados e dar suporte as igrejas associadas na direção de seus membros.

4Rs

  • O projeto 4Rs será inicialmente concentrado na compra do Terreno para construção. Esta concentração será regida integralmente pela diretoria e pelo sistema financeiro da APOIORT.
  • Após a aquisição do terreno, a diretoria formalizará a equipe competente para iniciar o projeto de construção já apresentado pela gestão anterior tendo o irmão Dc. Cristiano como responsável pela engenharia do projeto.

Finanças

  • Um ato de sistêmica austeridade será implantado.
  • A diretoria da APOIORT irá enviar uma pauta para ser discutida pela Ordem dos pastores contendo a avaliação relacionada aos serviços contábeis contratado pela associação que hoje se soma a quantia de quase R$ 35.000.00 a cada 3 anos.
  • Será feito uma parceria em torno do programa austero que exigirá uma redução de pagamentos de contas de telefones, passagens e outras ajudas visando a formação do caixa para a aquisição do terreno.
  • A diretoria executiva será convocada nos primeiros dias para avaliar a situação dos gastos com, combustíveis, telefone, contabilidade, viagens, e etc. O ideal será colocar tudo em harmonia com o programa de austeridade que será introduzido em torno da compra do imóvel para a construção da sede, pois essa será a prioridade.
  • As igrejas filiadas que não contribuírem com fins gerais serão chamadas para que expliquem e justifiquem seus débitos em Assembléia Geral, com objetivos de serem ajudadas pela APOIORT nas suas dificuldades .

Crianças:

  • Vou propor uma cota para o departamento Infantil de no mínimo R$ 100,00 para que os organizadores possam ter como fazer as apresentações das crianças nos eventos nacionais dinheiro que será voltado para compras de materiais como, brindes, uniformes, balas, doces….

 

DIRETORIAS:

  • Todas as diretorias deverão ter componentes de todos os Estados onde a APOIORT possui igrejas arroladas para contribuir com o desenvolvimento substancioso da Associação num todo.

Talentos:

  • Assim como fizemos em mandatos passados, estimularemos os talentos que temos em torno da APOIORT. Buscaremos todos os níveis entre jovens, adolescentes, universitários, etc. A ideia é possuir um grupo técnico especializado para aplicar onde for necessário buscando o desenvolvimento.
  • Estaremos estabelecendo uma forma de ouvir propostas e idéias de nossos associados, projetos que estão no coração dos associados, pastores, etc. A idéia é interagir com os associados a APOIORT e alinhar propostas das quais não conseguimos trazer para o nosso programa de governo.

 

DSC01006

 

“Nós servimos a APOIORT”

– Pr. Luiz Fernando

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*